Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade e o uso de cookies ACEITAR
Segunda, 09 de Agosto de 2021

Bayer fortalece a descoberta de medicamentos através da aquisição da Vividion Therapeutics

A Bayer AG anunciou a aquisição da Vividion Therapeutics, Inc. (Vividion), uma empresa biofarmacêutica sedeada nos EUA que utiliza tecnologias de descoberta inovadoras para desbloquear alvos de alto valor, tradicionalmente não medicáveis, com terapêutica de precisão. A plataforma da Vividion tem capacidade para produzir uma variedade de terapêuticas com pequenas moléculas para diversas indicações, inicialmente centrada em alvos relevantes para a oncologia e a imunologia. Os principais programas da Vividion incluem vários alvos de oncologia de precisão e alvos de imunologia de precisão, com esforços em curso num antagonista do fator de transcrição NRF2 para o tratamento potencial de cancros com mutação NRF2, bem como ativadores NRF2 para várias doenças inflamatórias, como a doença do intestino irritável — entre outros programas pré-clínicos.

Após o fecho da aquisição, a Bayer deterá todos os direitos da plataforma de descoberta própria da Vividion, que compreende três componentes integrados e sinérgicos: uma nova tecnologia de rastreio quimioproteómico, um portal de dados integrado e uma biblioteca de química própria. A aquisição da Vividion fortalece as capacidades de pequenas moléculas da Bayer e expande o alcance da Bayer em novas modalidades. De acordo com os termos do acordo, a Bayer pagará uma contrapartida inicial de 1,5 mil milhões de dólares e potenciais pagamentos de marcos baseados no sucesso de até 500 milhões de dólares.

“Esta aquisição é uma pedra angular da nossa estratégia para abastecer o nosso pipeline com inovação revolucionária”, afirmou Stefan Oelrich, membro do Conselho de Administração da Bayer AG e presidente da Divisão Farmacêutica da Bayer. “A tecnologia da Vividion é a mais avançada da indústria e demonstrou a sua capacidade de identificar candidatos a medicamentos que podem ter como alvo proteínas desafiadoras. Juntamente com o know-how existente da Bayer, seremos capazes de desenvolver candidatos a medicamentos que são os primeiros da sua classe, aumentando o valor do nosso pipeline. Queremos fornecer terapêuticas inovadoras para doentes cujas necessidades médicas ainda não são satisfeitas pelas opções de tratamento de hoje.”

A identificação de candidatos a medicamentos para proteínas consideradas não medicáveis é um grande desafio na descoberta de medicamentos. A plataforma de rastreio quimioproteómico da Vividion é capaz de identificar bolsas de ligação previamente desconhecidas em alvos proteicos bem validados através do rastreio de sondas químicas em todo o proteoma humano para avaliar a seletividade. Isto produz compostos altamente potentes e seletivos que fornecem uma ampla janela terapêutica para uma variedade de áreas de alta necessidade médica não satisfeita. A tecnologia da Vividion já comprovou a sua aplicabilidade a nível pré-clínico em oncologia e doenças relacionadas com imunidade, e tem potencial para se expandir para outras indicações.

“Apesar dos avanços em genómica, biologia estrutural e rastreio de alto rendimento, cerca de 90% das proteínas causadoras de doenças não podem ser direcionadas pelas terapêuticas atuais devido à falta de um local de ligação endereçável conhecido. A nossa tecnologia de plataforma quimioproteómica proprietária aborda as principais limitações das técnicas de rastreio convencionais e permite-nos descobrir bolsas funcionais, ou crípticas, anteriormente desconhecidas na superfície das proteínas e identificar pequenas moléculas que se ligam seletivamente a esses alvos”, afirmou Jeff Hatfield, CEO da Vividion. “Quando combinada com a experiência da Bayer no desenvolvimento de pequenas moléculas para o mercado e o doente, passa a existir uma posição incomparável para desbloquear alvos não medicáveis e gerar compostos inovadores que são os primeiros da sua classe para o benefício dos doentes.”

Para preservar a sua cultura empreendedora como um pilar essencial para fomentar a inovação de sucesso, a Vividion continuará a operar como uma organização independente em condições normais de mercado. A Vividion permanecerá responsável pelo avanço da sua tecnologia e portfólio, ao mesmo tempo que beneficia da experiência, infraestrutura e alcance da Bayer como uma empresa farmacêutica global.

O fecho da transação está dependente das condições habituais de fecho, incluindo a receção das aprovações regulamentares necessárias, e está previsto que ocorra no terceiro trimestre de 2021.

O Credit Suisse desempenha funções de consultor financeiro da Bayer, enquanto a Baker McKenzie opera como consultora jurídica. A Centerview Partners desempenha funções de consultora financeira da Vividion, enquanto a Cooley LLP opera como consultora jurídica.